1. MC Marcelly decide se submeter à Vibrolipoaspiração

    Ofuxico - 06 de Dezembro de 2016

    A última segunda-feira (5) foi de ainda mais cuidados com o visual, para MC Marcelly. Tudo porque a funkeira decidiu se submeter à vibrolipoaspiração, procedimento que está se tornando cada dia mais conhecido, sendo operada pelo doutor Fernando Bianco, em um hospital de Nilópolis, no Rio de Janeiro.

    "Apesar de ter emagrecido bastante e ter perdido 11 quilos, nós, mulheres sempre encontramos uma gordurinha. O projeto, agora, é barriga chapada. Após várias tentativas, com outros procedimentos, cheguei à conclusão que tem coisas que só se resolve com cirurgia plástica, por isso procurei o doutor Fernando”, chegou a afirmar ela, já visivelmente animada com os resultados que deve obter, com tal procedimento estético.

    Depois de já ter passado por cirurgias, no nariz e na região das bochechas, em outra ocasião, Marcelly está se recuperando bem e deve receber alta ainda nesta terça-feira (6).

                                           Veja a matéria completa

  2. Novas técnicas para obter o rosto perfeito chegam aos consultórios

    Revista Marie Claire - 28 de Agosto de 2016

    Entre os tratamentos para garantir um rosto perfeito surgem novas estrelas. Uma delas é o microagulhamento. Também chamada de Indução Percutânea de Colágeno (IPCA), a técnica usa agulhas de aço cirúrgico para combater e tratar problemas como linhas de expressão, rugas, flacidez, cicatrizes de acne e manchas.

    O equipamento utilizado no tratamento se assemelha a um rolo com aproximadamente 200 microagulhas que provocam pequenas puncturas na região trabalhada, aumentando a vasodilatação, promovendo a formação de colágeno e estimulando a absorção de medicamentos aplicados na pele, como ácidos, antioxidantes e vitaminas.

                                           Veja a matéria completa

  3. Mamãe nota 10: Seios empinados e barriga chapada após a gestação.

    Revista Plástica & Beleza - 23 de Setembro de 2016

    Qual a mulher que, depois de ter um lho, não se olha no espelho e ca pensando se o seu corpo voltará a ser como antes? Praticamente todas! Por mais feliz e plena que seja essa fase da nos- sa vida, é natural que a gente também queira sentir-se realizada quando o assunto é beleza e autoestima. Mas é preciso ter muita calma nes- sa hora e respeitar o tempo de recuperação do corpo e a fase de amamentação do bebê para só depois começar a pensar em fazer ou não uma cirurgia plástica.“Normalmente, indicamos que a paciente espere até seis meses para fazer uma abdominoplastia ou qualquer outra cirurgia plástica após a gestação. Mas o ideal mesmo é que ela não esteja mais amamentando”. Dr. Fernando Bianco tira algumas dúvidas sobre essa tendência estética.

    Técnica: Abdominoplastia

    Indicação: Quando há excesso de pele e de acidez da musculatura e até estria na região abaixo do umbigo - neste caso estrias largas nessa área também podem ser eliminadas através da técnica. Como é feita: após anestesia local associada com sedação, o médico faz uma incisão na região pubiana – geralmente, de 20 a 30 centímetros, dependendo da largura do quadril da pessoa -, para tracionar a pele e remover o seu excedente.“Quase sempre, a cicatriz da cesárea é aproveitada ao realizar uma abdominoplastia. Mas é preciso analisar cada caso”, comenta o cirurgião plástico Fernando Bianco

    Pós-operatório: Após a cirurgia é essencial que a paciente que de repouso domiciliar por aproximadamente três dias. É preciso usar durante cerca de 40 dias cinta pós-cirúrgica. No primeiro mês também não pode pegar peso, não fazer nenhum tipo de esforço, não se expor ao sol ou a região operada ao excesso de calor e não usar roupas justas e apertadas. Durante 15 dias é recomendado que a paciente, quando for andar, mantenha a postura ligeiramente curvada.Além disso, é indicada a drenagem linfática que ajuda na recuperação e reduz os edemas. Caminhadas leves após 45 dias. Já as atividades físicas só estão liberadas depois de quatro meses. É imprescindível seguir as orientações médicas no pós-operatório para não haver comprometimento do resultado. Os riscos são ruptura dos pontos, má cicatrização, ondulação do tecido, incidência direta dos raios solares causam manchas, entre outros problemas.

                                           Faça o download da matéria completa.

  4. Bichectomia: a nova moda na cirurgia plástica que afina o rosto

    Revista Marie Claire - 28 de Agosto de 2016

    Nova febre entre as famosas, como Angelina Jolie e Kim Kardashian, a Bichectomia ajuda a deixar o rosto mais fino. Mas a finalidade original deste procedimento, aparentemente simples, é odontológica: sempre foi usado para pessoas que mordem muito a bochecha, por terem um corredor bucal estreito. E o trauma contínuo pode até causar câncer. Por isso a retirada da bola de Bichat. Somente agora é que passou a ser feito para realçar a beleza. O cirurgião plástico Dr. Fernando Bianco tira algumas dúvidas sobre essa tendência estética.

                                           Veja a matéria completa

  5. Próteses de Silicone e Contraturas

    Programa Bem Estar da Rede Globo- 11 de Julho de 2016

    O corpo vai fazer uma defesa. Ele envolve a protese em uma membrana fininha, isolando-a do organismo. Em uma contratura, ela começa a apertar essa prótese em um grau mais leve, aperta levemente e em um grau mais avançado, ela aperta mais. Assim com aconteceu com a Cantora Valesca Popozuda.

                                           Veja a matéria completa

  6. Valesca Popozuda está internada após problemas no silicone: 'Um susto'

    Globo.com - 28 de Junho de 2016

    Valesca Popozuda passou por uma cirurgia emergencial na tarde da segunda-feira, 28, em um hospital de Nilópolis, na Baixada Fluminense, para trocar o silicone dos seios. A funkeira teve uma contratura muscular no seio direito após o encapsulamento da prótese.

    O problema ocorre quando uma fibrose, uma cicatriz interna se forma ao redor da prótese, gerando diferentes graus de endurecimento. Valesca foi ao médico na sexta-feira, 24, após sentir fortes dores e o profissional disse que ela teria que se internar para operar emergencialmente. Para não cancelar os shows marcados, ela cumpriu os compromissos mesmo sentindo dores e voltou ao hospital na segunda-feira, 27, onde foi internada e operada.

                                           Veja a matéria completa

  7. Adriana Bombom atualiza botox e dispara: "Não tenho vergonha de dizer"

    Revista Quem - 01 de Junho de 2016

    Adriana Bombom esteve na clínica do cirurgião plástico Fernando Bianco para atualizar a aplicação de botox e posou para fotos. Aos 42 anos, a atriz e modelo não se intimidou em assumir que é adepta da intervenção estética.

    "Não tenho vergonha de dizer. Gosto de me cuidar", contou ela, que está ocupada com os preparativos do noivado oficial no Brasil. Ela e o empresário Adrian Cunha ficaram noivos em Paris no final do ano passado e pretendem oficializar a união para reunir amigos e familiares no Rio de Janeiro.

    "Ainda não tenho a data certa, mas será por agora acredito que até julho nos organizamos. De qualquer forma já estou fazendo os procedimentos estéticos e me cuidando. Não pretendo fazer nenhuma intervenção cirúrgica no momento, mas o botox tem que está em dia né, amada? Procurei um profissional de minha confiança para dar uma esticadinha [risos]", completou ela.

                                           Veja a matéria completa

  8. Ocidentalização

    Revista Plástica & Beleza - 01 de Junho de 2016

    A ocidentalização das pálpebras é uma das cirurgias plásticas mais procuradas pelos jovens orientais, pois parte deles apresenta a pálpebra superior lisa e sem dobra. Mas engana-se quem pensa que ela é realizada somente por questões estéticas, já que com o passar dos anos o excesso de pele pode ser prejudicial à visão. Como é: "sob anestesia local associada à sedação leve, o cirurgião plástico faz uma incisão logo acima dos cílios e no epicanto (região onde pálpebra superior e inferior se encontram, próximo ao nariz) onde cria-se o sulco supratarsal (a dobrinha logo acima dos cílios) e corrigi-se a dobra no epicanto", explica o cirurgião plástico Fernando Bianco (RJ). Imediatamente após a cirurgia, nota-se a pálpebra superior com características ocidentais com naturalidade, mas se torna mais evidente à medida que o edema some. "Só é preciso deixar bem claro que, uma vez odicentalizada a pálpebra, não é possível retornar às características orientais, caso o paciente se arrepende."

  9. AO VIVO - TUDO SOBRE CIRURGIA PLÁSTICA

    Jornal Extra - 30 de Maio de 2016

    O cirurgião plástico Fernando Bianco esclarece todas as dúvidas dos leitores. Envie sua pergunta para a repórter Samanta Vicentini.

  10. Sucesso no pós-operatório

    09 de Maio de 2016






    Não ingerir doces, bebidas alcoólicas e evitar exposição ao sol são algumas das restrições orientadas pelos médicos durante o período de recuperação de uma cirurgia plástica


    Muito comum na sala dos cirurgiões brasileiros, o pedido de redução daquela barriguinha indesejada, um upgrade nos seios e correção de imperfeições no nariz, são as intervenções estéticas mais comuns, que levam o Brasil ao topo do ranking dos países que mais realizam cirurgia plástica no mundo. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, desde 2013, o país é o recordista mundial, com mais de 1,5 milhão de operações por ano. Mas para que a cirurgia plástica seja um sucesso, é essencial seguir alguns cuidados no período pós-operatório. "Como o organismo sofreu um estresse cirúrgico, suas defesas estão mais debilitadas e o tecido tem que se reestruturar, temos algumas orientações a serem seguidas pelo paciente, se ele descuidar nesse processo, pode comprometer até 50% do resultado da cirurgia", avalia o cirurgião plástico Fernando Bianco (RJ).

    Geralmente, o resultado final de uma cirurgia plástica aparece após cerca de seis meses, quando o organismo já está completamente desinchado e o processo de cicatrização quase que completo. Mas, praticamente no primeiro mês, o paciente já está reabilitado para voltar a sua rotina normal, precisando ficar afastado ainda de banhos de sol e da praia - essa liberação só vem após 90 dias. Também é preciso ter cautela quanto ao consumo de bebidas alcoólicas, cigarro, entre outros.

    As fibroses também podem surgir no pós operatório, se formando tanto de fora pra dentro, como também por debaixo da pele. Para evitar um resultado desfavorável, o ideal é que se recorram às drenagens modeladoras, uso de ultrassom de baixa potência e até mesmo a sessões de carboxiterapia, úteis para atenuar justamente estes quadros. "Se a paciente não tiver o cuidado necessário, as marcas deste processo podem ficar muito acentuadas. Exemplos ruins como usar calça jeans apertada, atividades físicas antes do tempo, movimentos bruscos que estique a pele tratada ou a cicatriz, podem causar a falta de drenagem no local e o acúmulo de líquido, que além da dor, em casos mais extremos, causam infecção", orienta o cirurgião plástico.

    O Dr. Fernando Bianco chama a atenção sobre outro aspecto, que faz com que a intervenção cirúrgica seja um sucesso. "Se a paciente seguir o que foi determinado, poderá usufruir tranquilamente do novo formato do seu corpo, e é sempre bom lembrar, que se deve procurar um profissional qualificado, fazer uma pesquisa entre pacientes antigos, verificar seu registro junto ao Conselho Regional de Medicina (CRM), porque cirurgia plástica, é com cirurgião plástico", finaliza.

    Veja a matéria completa

  11. Conheça as diferenças entre abdominoplastia e lipoaspiração

    Revista Caras - 08 de Abril de 2016

    O cirurgião plástico explica as diferenças entre os dois procedimentos cirúrgicos que prometem acabar com as gorduras indesejadas

    Muitas mulheres buscam eliminar aquelas gordurinhas indesejáveis com cirurgias plásticas, como a lipoaspiração e a abdominoplastia.

    Apesar disso, é importante saber que existem diferenças entre esses dois procedimentos cirúrgicos . "A lipoaspiracao consiste na retirada de gordura localizada através de pequenos furos, sem retirada de pele. Atualmente, abdominoplastia e lipoaspiracão são, na maior parte das vezes, realizadas ao mesmo tempo, sendo que a primeira retira o excesso de pele e a segunda proporciona o contorno corporal", explica o cirurgião plástico, Dr. Fernando Bianco.

    Segundo ele, a abdominoplastia é a retirada do excesso de pele e gordura abaixo do umbigo. "Além de devolver aos músculos da parede abdominal uma firmeza através de suturas (plicatura) realizadas na musculatura. A abdominoplastia não trata as gorduras localizadas em flancos e dorsos".

    O cirurgião explica que a abdominoplastia é um procedimento muito seguro, mas é sempre bom buscar um profissional qualificado e realizar a cirurgia em uma ambiente hospitalar que possa te oferecer toda a segurança em eventual necessidade. "As complicacoes mais frequentes são o seroma, que é um acúmulo de líquido na área de descolamento cirúrgico, tratado através de punções no consultório e alterações na cicatriz, geralmente causadas por esforços excessivos no pós-operatório".

    Veja a matéria completa